Caetano de Almeida

Sobre o artista


Campinas, São Paulo, 1964.
Vive e trabalha em São Paulo.

Caetano de Almeida estuda artes plásticas na Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), de 1983 a 1988, onde é aluno de Evandro Carlos Jardim (1935) e Nelson Leirner (1932), entre outros. Por volta de 1984, freqüenta os ateliês de gravura da Pinacoteca do Estado de São Paulo. Entre 1986 e 1991, realiza a série Bestiário, recriando ilustrações de livros e enciclopédias.

Na década de 1990, passa a apresentar telas saturadas de representações de animais e plantas de grande opulência cromática. Reelabora freqüentemente pinturas consagradas da história da arte, como em Madames, 1999, inspiradas nos quadros de Jean-Marc Nattier (1685-1766) do acervo do MASP – Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand.

O artista recria padrões e tramas de tecidos em suas obras através de uma construção artesanal. O trabalho do artista nas décadas de 80 e 90 traçava um diálogo direto com ilustrações de livros e enciclopédias e obras consagradas da história da arte. No início dos anos 2000, Almeida começa a recriar padronagens de tecidos recolhidos em viagens. Sua produção mais recente explora esse tema em tela e papel, criando obras com precisão matemática, explorando técnicas e materiais diversos. Apesar da busca pela exatidão, Caetano de Almeida permite que o eventual erro humano apareça no resultado final do trabalho.

Obras


CAA12 (2017)

pigmento sobre tela
50 x 40 cm

CAA11 (2017)

pigmento sobre tela
50 x 40 cm

CAA­40 (2018)

resina e pigmento s/ tela
140 x 120 cm