Frida Baranek

About


Rio de Janeiro, 1961.
Vive e trabalha em Miami, Estados Unidos.

Estudou arquitetura na Universidade Santa Úrsula (RJ). Trabalhou de 1978 a 1983 no Museu de Arte Moderna e na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Obteve mestrado em Desenho Industrial pela Central Saint Martins, Londres, em 2012. Trabalhou no Rio de Janeiro, em São Paulo, Paris, Berlim, Nova Iorque e Londres. Seus trabalhos foram apresentados em grandes exposições internacionais, como a 20a Bienal Internacional de São Paulo (1989); 49a Bienal de Veneza (1990); “Metropolis International Art Exhibition”, em Berlim (1991); “Ultramodern: The Art of Contemporary Brasil”, na Fundação Gulbenkian (Lisboa, 1993); e “Discover Brazil”, no Ludwig Museum (Colônia, 2005).

Suas obras estão em diversas coleções e acervos como a de Patrícia Phelps de Cisneros em Nova York, do National Museum of Women in the Arts (Washington), LEF Foundation (San Francisco), Washington University Art Museum (St. Louis) e Loumeier Foundation (St. Louis), todos nos Estados Unidos, bem como do Ministère de la Culture e Fonds National d’Art Contemporain (França), do Pusan Metropolitan Art Museum (Coreia do Sul), e dos Museus de Arte Moderna do Rio de Janeiro e de São Paulo. Em 2013, sua obra foi recipiente de uma grande mostra, “Confrontos”, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Em 2019 recebeu o prêmio Joan Mitchell Foundation’s Painters & Sculptors Grant.

Works


Through Lines and Screens (2009)

Collagraph sobre papel
75 x 57 cm

Liminaridade 6 (2019)

Telas de arame galvanizado e acrílico laranja
180 x 150 x 70 cm

Broken Circles (2004)

Fios de seda
58 x 41 x 14 cm